quarta-feira, 27 de junho de 2012

População em favelas na cidade do Rio de Janeiro

Uma característica conhecida da cidade do Rio de Janeiro é a presença de favelas (que o IBGE chama atualmente de aglomerados sub-normais) em todo o território;  embora  as comunidades localizadas na zona sul, onde estão os bairro de maior renda, sejam as mais conhecidas. 
O IBGE publicou um excelente relatório (Aglomerados Sub-normais: Primeiros Resultados) com dados do Censo de 2010. Nele é  possível encontrar dados da população residente em todas as favelas do país.

A cientista política Sonia Terron tabulou o total de moradores de favelas de cada bairro da cidade do Rio de Janeiro. Utililizei estes dados para fazer o mapa abaixo. Ele apresenta dois tipos de informação. Cada esfera representa o número absoluto de moradores de favelas no respectivo bairro; quanto maior a esfera, mais população residente em favelas. Em uma observação rápida, quatro grandes áreas se destacam: Maré, Complexo do Alemão, Rocinha e Jacarépagua. As três primeiras são antigas favelas, que foram recentemente transformadas em bairros. Em Jacarepaguá esta a comunidade de Rio das Pedras, uma das que mais creceu na última década.

A segunda informação apresentada no mapa está associada à cor de cada esfera. O percentual da população residente nas favelas foi dividida em cinco faixas: quanto mais forte a cor, maior o percentual des moradores em favelas no bairro. Infelizmente, não é possível identificar pelo nome os 160 bairros do Rio; identifiquei alguns apenas para ajudar o leitor, que conhece minimamente a cidade, a se localizar.

                   Mapa da População residente em favelas. Rio de Janeiro, 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário